Image hosted by Photobucket.com
3.1.08
 
Velha escola ou escola nova? Ou escola de meia-idade? É debate que pouco importa, face ao trabalho que este trio de renomados e experientes improvisadores europeus nos apresenta. Da velha escola emerge, por ventura, a formação clássica de trio de saxofone, contrabaixo e bateria, triângulo responsável por algumas das mais importantes páginas do jazz e da música improvisada em geral, de há 50 anos a esta parte, com particular ênfase para os anos quentes do free jazz. Da escola intermédia, digo assim, já que me meti por este caminho, encontram-se as bases em que assentou a também designada Escola Inglesa de improvisação total, que começou em meados de 60 e daí para a frente não mais parou de se transformar até aos nossos dias. Cá se descobre o mesmo tipo de estratégia, a horizontalidade da progressão, a igual preponderância entre os instrumentos na criação de um som que só releva enquanto criação colectiva, os gestos, a permutação tímbrica, a combinação e a recombinação de padrões. É evidente que o trio ouviu muito bem Evan Parker, Trevor Watts e Spontaneous Music Ensemble, por exemplo. E da nova escola? A utilização de técnicas heterodoxas na abordagem dos instrumentos, o primado das texturas e dos timbres sobre a harmonia e a melodia, atonalismo versus as novas cores do som, mutações lowercase, invenção espontânea, a expressividade levada para campos desconhecidos, a ausência de marcação de tempo, realidade imponderável. Vem isto a propósito de The Long and The Short of It (Creative Sources Recordings), disco de 2007 (Fevereiro) do trio de Stefan Keune (saxofones alto e sopranino), Hans Schneider (contrabaixo) e Achim Kramer (bateria e percussão). O que eles fazem é free music no sentido amplo do termo, com permanente injecção de energia e intensa actividade em pouco espaço, afirma-se hoje tal como nasceu e cresceu na Europa como acção positiva no sentido de procurar um espaço próprio e enquanto reacção inteligente ao jazz massivamente importado dos EUA ou imitado e produzido localmente para consumo interno. The Long and The Short of It é um excelente disco, nove temas (67') cheios de surpresas, variações dinâmicas, espaços de silêncio, musicalidade e expressividade. A coisa funciona em pleno e faz faísca.

 


<< Home
jazz, música improvisada, electrónica, new music e tudo à volta

e-mail

eduardovchagas@hotmail.com

arquivo

Setembro 2004
Outubro 2004
Novembro 2004
Dezembro 2004
Janeiro 2005
Fevereiro 2005
Março 2005
Abril 2005
Maio 2005
Junho 2005
Julho 2005
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Junho 2011
Maio 2012
Setembro 2012

previous posts

  • Ctrl+Alt+Canc Records
  • A partir dos anos 20, terminado o período formati...
  • Norman Howard é um nome desconhecido para a maior ...
  • Torsten Müller (contrabaixo), Harris Eisenstadt (b...
  • David Murray, Jay Clayton, Reuben Radding, Treade...
  • A última boa notícia de 2007, que é também a prime...
  • Adeus 2007. Até 2008!Howard Skempton: Lento (1990)...
  • Tony Coe andou sempre em boa e diversificada compa...
  • Morton Subotnick - Touch Created by Morton Subotni...
  • Domingo 30 de Dezembro, 19h30Associação Bacalhoeir...

  • links

  • Improvisos ao Sul
  • Galeria Zé dos Bois
  • Crí­tica de Música
  • Tomajazz
  • PuroJazz
  • Oro Molido
  • Juan Beat
  • Almocreve das Petas
  • Intervenções Sonoras
  • Da Literatura
  • Hit da Breakz
  • Agenda Electrónica
  • Destination: Out
  • Taran's Free Jazz Hour
  • François Carrier, liens
  • Free Jazz Org
  • La Montaña Rusa
  • Descrita
  • Just Outside
  • BendingCorners
  • metropolis
  • Blentwell
  • artesonoro.org
  • Rui Eduardo Paes
  • Clube Mercado
  • Ayler Records
  • o zurret d'artal
  • Creative Sources Recordings
  • ((flur))
  • Esquilo
  • Insubordinations
  • Sonoridades
  • Test Tube
  • audEo info
  • Sobre Sites / Jazz
  • Blogo no Sapo/Artes & Letras
  • Abrupto
  • Blog do Lenhador
  • JazzLogical
  • O Sítio do Jazz
  • Indústrias Culturais
  • Ricardo.pt
  • Crónicas da Terra
  • Improv Podcasts
  • Creative Commons License
    Powered by Blogger