Image hosted by Photobucket.com
10.7.07
 

[ph.jpg]

OSLO/CHICAGO: (((BREAKS))), a estreia na Atavistic do (((POWERHOUSE SOUND))), grupo de Ken Vandermark e companhia. Fundado em 2005, a pensar na exploração de ideias rítmicas que tivessem o som do baixo como referência principal a música de James Brown, Lee “Scratch” Perry e Public Enemy. Vantagem descarada para o vocabulário funk, dub e hip-hop, que esta gente conhece de tanto terem ouvido enquanto se faziam homens. Ou o baixo eléctrico como força motriz nesta releitura rítmica escandinavo-americana arrevesada, em que brilham distintos improvisadores transatlânticos. mas nem só de funk, hip-hop ou dub vive o som do Powerhouse. Noise electrónico, garage jazz/rock, enfim, outra maneira de encarar a fusion neste princípio de século. Vandermark não pára de investigar as inúmeras possibilidades que a sua incansável curiosidade e instinto omnívoro produzem. Para nosso bem, acrescentaria. A presente edição da Atavistic divide-se em dois sets gravados em estúdio, com diferentes abordagens do mesmo tipo de material (composições, todas de Ken Vandermark), e distintas formação e instrumentação: o primeiro, com a Oslo VersionKen Vandermark (saxofone tenor), Ingebrigt Håker Flaten (baixo eléctrico), Nate McBride (baixo eléctrico), Lasse Marhaug (electrónica) e Paal Nilssen-Love (bateria); e o segundo, dedicado à Chicago Version Ken Vandermark (saxofone tenor), Jeff Parker (guitarra), Nate McBride (baixo eléctrico) e John Herndo (bateria). Não me canso de ouvir esta porra.

Ken Vandermark

 


<< Home
jazz, música improvisada, electrónica, new music e tudo à volta

e-mail

eduardovchagas@hotmail.com

arquivo

Setembro 2004
Outubro 2004
Novembro 2004
Dezembro 2004
Janeiro 2005
Fevereiro 2005
Março 2005
Abril 2005
Maio 2005
Junho 2005
Julho 2005
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Junho 2011
Maio 2012
Setembro 2012

previous posts

  • Outro olhar sobre SURFACE, o mais recente disco do...
  • Ainda antes de levantar voo de Chicago para Nova I...
  • Influenciado por Cecil Taylor e pelo free europeu ...
  • A saxofonista e clarinetista Anat Cohen e outros m...
  • Sabir Mateen Trio live at Zebulon Cafe Concert(Br...
  • Tanto era que...
  • Anthony Braxton Four Compositions (1973) Em 1973,...
  • ESBJÖRN SVENSSON TRIO 22 Julho 2007, 21h00 - Grand...
  • O Jazz on 3 sobrevoou o austríaco Konfrontationen ...
  • David S. Ware - Birth of a Being (hat HUT, 1977) ...

  • links

  • Improvisos ao Sul
  • Galeria Zé dos Bois
  • Crí­tica de Música
  • Tomajazz
  • PuroJazz
  • Oro Molido
  • Juan Beat
  • Almocreve das Petas
  • Intervenções Sonoras
  • Da Literatura
  • Hit da Breakz
  • Agenda Electrónica
  • Destination: Out
  • Taran's Free Jazz Hour
  • François Carrier, liens
  • Free Jazz Org
  • La Montaña Rusa
  • Descrita
  • Just Outside
  • BendingCorners
  • metropolis
  • Blentwell
  • artesonoro.org
  • Rui Eduardo Paes
  • Clube Mercado
  • Ayler Records
  • o zurret d'artal
  • Creative Sources Recordings
  • ((flur))
  • Esquilo
  • Insubordinations
  • Sonoridades
  • Test Tube
  • audEo info
  • Sobre Sites / Jazz
  • Blogo no Sapo/Artes & Letras
  • Abrupto
  • Blog do Lenhador
  • JazzLogical
  • O Sítio do Jazz
  • Indústrias Culturais
  • Ricardo.pt
  • Crónicas da Terra
  • Improv Podcasts
  • Creative Commons License
    Powered by Blogger